Ara praticamente intacta cuja elegância e o carácter monumental da decoração lhe confere especial lugar na epigrafia do Sul de Portugal. A paginação segue um eixo de simetria, com caracteres quase monumentais, esguios:

D(is)M(anibus)/ CANIDIAE ALBINAE/ C(larissimae) M(emoriae) F(eminae) MATRI CATIN(ii)/ CANIDIANI C(larissimae) M(emoriae) V(iri)/ CONSOBRINI SVI/ CATINIA M(arci) FIL(ia)/ ACILIANA C(larissima) F(emina)/ S(ua) P(ecunia) F(ecit)

Tradução: Aos Deuses Manes. A Canídia Albina, mulher de muito ilustre memória, mãe de Catínio Canidiano, varão de muito ilustre memória, seu primo. Catínia Aciliana, filha de Marco, mulher muito ilustre, fez a expensas suas.


O texto fala de ilustres membros da sociedade eborense do século III d.C., e as expressões clarissimus vir e clarissima femina indicam que estamos em presença de duas famílias senatoriais: Canídia e Catínia sendo que a segunda costuma ser relacionada com o cônsul L. Fabius Cilo Septiminus Catinius Acilianus Lepidus Fulcinianus, suffectus em 193 e ordinário em 203 d. C. São famílias de origem lusitana, possívelmente da zona de Évora, pertencentes às elites locais e que, tal como os Iulii da Herdade da Igreja (Montemor-o-Novo) e da Tourega (Évora), e possivelmente também os Acilii, foram equiparados ao grupo social mais elevado da sociedade romana.


Na parte superior da ara, sobre a cornija, estão representados dois toros decorados com folículos, atados ao centro, como feixes. No lado esquerdo, está um jarro em relevo e no lado direito, uma pátera. A decoração, finamente esculpida, é mais um sinal do estatuto social dos intervenientes, homenageados com um monumento funerário urbano onde se mesclam a memória afectiva e a ostentação.


(JCC)

 

BIBLIOGRAFIA

Catálogo da Exposição Imagens e Mensagens. Escultura Romana do Museu de Évora. Lisboa: Instituto Português de Museus e Museu de Évora, 2005

Encarnação (1984), José de, Inscrições Romanas do Conventus Pacensis. Subsídios para o Estudo da Romanização, 2 vols. Coimbra: Instituto de Arqueologia da Faculdade de Letras.